amARTomARTomARTomARTomARTomARTomARTomARTomARTomARTomARTomARTomARTomARTomARTomARTomARTomARTomARTomART

Reiko Shimizu

Reiko Shimizu

"Shadow" - photograph 2002;

“Sombras (Shadows)”, Galeria do Papel, Fundação Cultural de Blumenau; Blumenau – SC, Brazil; November, 2002; 

“Sombras (Shadows)”, Fundação Pinacoteca Benedicto Calixto; Santos – SP, Brazil; October, 2002

Um homem vendeu sua sombra em troca de poderes mágicos.  Um outro , a sua para se juntar à amada, uma sereia, no fundo do mar.

Para ambos , final trágico. Sem saber, venderam a alma ao diabo.


Numa ilha do Pacífico Sul existiu um mágico que adoecia as pessoas maltratando suas sombras.

Nos funerais da China as pessoas evitam que suas sombras sejam projetadas no caixão, pois acreditam que isso lhes antecipará a morte.

Dizem em Java que gato preto não tem sombra. É considerado um animal espiritual. Lenda?

Na Grécia antiga era costume projetar uma sombra humana na base da coluna, acreditando que isso fortalecia a construção. No mesmo ano o dono da sombra morria.

Numa tribo africana mede-se a força interior conforme o comprimento da sombra. Pela manhã e no final da tarde sentem-se fortes. Próximo ao meio-dia são cautelosos. De noite a grande sombra mestre abrange as demais e protege a todos.

visual art